noticias

Polícia acredita que mesmo criminoso tenha matado homens a facadas em Caxias


Após relatos de testemunhas, a Polícia Civil de Caxias do Sul acredita um mesmo indivíduo, conhecido pela alcunha de “Mano”, seria o autor dos assassinatos de dois homens a facadas. Os crimes, que não teriam relação, ocorreram no bairro Jardelino Ramos, em locais e horários distintos neste domingo, dia 8.

Segundo informações da Polícia, por volta das 14h na rua Barão do Santo Ângelo, Alexandre Rodrigues da Silva, de 46 anos, foi ferido com sete golpes de arma branca no peito. Ele chegou a ser socorrido por familiares ao hospital Pompéia, mas não resistiu e morreu uma hora depois. A vítima, de acordo com testemunhas, seria usuária de drogas.

Mais tarde, por volta das 15h30min na rua Luiz Ceconello, entre a Assis Brasil e Ernesto Alves, foi assassinado com quatro facadas nas costas, Antônio Valdecir Ribeiro da Silva, de 45 anos. Neste caso, a vítima morreu no local do crime. Polícia Civil e Instituto Geral de Perícias (IGP) foram acionados para atendimento da ocorrência.

Conforme o delegado plantonista Ives Trindade, as vítimas teriam sido esfaqueadas pelo mesmo criminoso.

“Em princípio os dois casos não tem relação, foram em locais distintos, enfim. Mas, o autor dos dois delitos seria o mesmo. Nós já temos a alcunha dele e vamos repassar para a Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) para investigação”, diz.

Ainda conforme Trindade, chama a atenção o número de mortes provocadas nos últimos dias por arma branca. Ao menos os últimos quatro crimes contra a vida foram por meio de facadas.

“Pelo menos nos últimos plantões, o cometimento do delito com arma branca  ficou bem comum. Hoje não foi diferente. O que se percebe é o aumento do homicídio provocado por arma branca”, completa.

A DHPP irá receber todos os detalhes das ocorrências nesta segunda-feira, dia 9, para, a partir daí, confirmar a autoria dos crimes e descobrir a motivação para tais delitos.

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *